Diaconato Permanente.

Diaconato Permanente.

O compromisso missionário da Igreja encontra fecundidade e sustento na ministerialidade, isto é, nos diferentes serviços eclesiais e ministérios, numa Igreja toda ministerial, sustentada, antes de tudo, pelo testemunho de vida, pela audácia da fé de quem deposita em Deus toda a sua confiança e na coragem incansável de anunciar o Evangelho da vida.
A Arquidiocese de Belo Horizonte aposta na missão, fidelidade ao seu Mestre e Senhor, também pela riqueza do ministério diaconal, entendendo, com alegria e esperança, que “alguns discípulos missionários do Senhor são chamados a servir à Igreja como diáconos permanentes, fortalecidos, em sua maioria, pela dupla sacramentalidade do matrimônio e da ordem. São ordenados para o serviço da Palavra, da caridade e da liturgia, especialmente para os sacramentos do Batismo e do Matrimônio; também para acompanhar a formação de novas comunidades eclesiais, especialmente nas fronteiras geográficas e culturais, onde ordinariamente não chega a ação evangelizadora da Igreja” (DAp 205).
Esperamos dos diáconos permanentes “um testemunho evangélico e impulso missionário para que sejam apóstolos em suas famílias, em seus trabalhos, em suas comunidades e nas novas fronteiras da missão”. (DAp 208).
Confiando na graça de Deus, pedimos a proteção materna da amada Mãe Maria, a Senhora da Piedade, nossa Padroeira, sempre dispostos ao labor da missão e incansáveis, por amor, na resposta missionária que nossa Igreja é chamada a dar no coração do mundo, obediente ao mandato do seu Senhor.

Walmor Oliveira de Azevedo
Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*